Início » Livros » Resenha :: Dois Lados de Um Coração

Resenha :: Dois Lados de Um Coração

Título: Dois Lados de Um Coração

Autor: Marcela de Luca

Editora: Literata

Páginas: 328

Opções de livro impresso: ArwenStore

* E-book cedido em parceria com a editora Arwen

Sinopse: Dor. Nunca uma palavra fez tanto sentido na vida de Elizabeth Campbell. Quando a felicidade parece finalmente estar caminhando junto a ela, esse outro sentimento vem e toma o seu lugar. A tentativa de ser feliz novamente poderia ser conquistada se não fosse o fantasma de suas antigas dores que volta atormentá-la. Elizabeth jamais imaginou que a vida seria capaz de lhe tirar sem permissão a pessoa que ela mais amava. Após perder seus pais de maneiras diferentes, ela passou a acreditar que nunca mais passaria por algo parecido. A vida, no entanto, preparava-lhe uma surpresa em silêncio… Quando Campbell se vê presa dentro de si mesma, mergulhada em uma tristeza sem fim e incapaz de seguir em frente, Thomas Hunter, um rapaz que nunca acreditou no amor, tenta tirá-la do chão, embora ele também precise que alguém o tire de lá. Juntos, eles descobrem que são capazes de superar as perdas e frustrações que a vida lhes deu.

~

Tinha lido o primeiro capítulo que a editora disponibilizou no Issuu e acabei ficando muito curiosa para saber o desenrolar da história. Fazia bastante tempo que não lia um romance nacional com uma carga tão grande de drama quanto Dois Lados de um Coração. Tenho certeza que a autora conseguiu arrancar umas lágrimas de leitoras mais sensíveis do que eu.

Elizabeth é uma personagem que cativa o leitor no primeiro capítulo, mas que foi me perdendo conforme os outros capítulos iam passando. O problema não é que ela fica chata, mostre ser mimada ou esses outros defeitos que encontramos (geralmente) nas protagonistas, mas sim o quanto ela sofre. Eu entendo, é claro, que ela está sofrendo por ter perdido seu amado e com isso todas as suas tristezas que antes tinham sido deixada para trás acabam voltando e até parece que em carga dobrada. Acabei ficando incomodada com o tempo que ela fica chorando e lamentando e até certo ponto do livro eu torcia para a autora dar um salto no tempo até o momento em que ela estivesse melhor (o que demorou um pouco, mas aconteceu. ufa!). Já Thomas é um personagem adorável. Apesar de dar a impressão de que ele é o típico badboy ao longo dos capítulos percebe-se que tudo não passa de uma primeira impressão errada. Ele é tão danificado quanto Lizzie mas não gosta de demonstrar fraqueza e também não gosta de bancar o cara malvado por aí… Seu único defeito é ser mulherengo.

A dor de ter o coração partido só entende quem já sentiu. Mas Elizabeth não tinha tido um amor não correspondido, pelo contrário, seu amor tinha sido correspondido até demais, só não tinha sido mais forte que a própria morte.

O livro é excelente. Dos poucos nacionais que li ele foi um dos que mais me surpreenderam de forma positiva. Marcela tem a mão boa para escrever um romance recheado de drama sem se tornar pesado ou angustiante, pois a leitura acaba fluindo facilmente e e acabei lendo o livro em um dia apenas. Outro ponto positivo é que quando o leitor começa a acreditar que a história está encaminhada para o seu final algo inesperado acontece e surge um novo “problema” para a protagonista enfrentar. Confesso que nesse momento eu comecei a acreditar que teria um segundo livro por aí e fiquei com um pouco de raiva, mas majestosamente ela resolve todas as pendencias rapidinho – mas sem deixar o livro com aquela cara de final corrido, sabe?

Algumas coisas importantes não são citadas na sinopse e alguns momentos eu me perguntei o motivo, mas acredito que por elas não estarem ali é que deixa o leitor mais surpreso ao iniciar a leitura. Confesso que esse detalhe acabou me incomodando no decorrer do livro por eu pensar/achar algo e a autora foi tão esperta que inseriu um dialogo lá quase no final onde uma determinada personagem questiona o outro da mesma forma que eu estava me questionando e então acabei ficando convencida do amor entre Thomas e Elizabeth.

Só que naquele momento não dava para se entregar de corpo e alma à tranquilidade, pois ela estava inquieta e nervosa em seu interior.

​​

Marcela de Luca nasceu em 1994, em Piracicaba (SP). Leitora compulsiva e consumidora excessiva de livros foi incentivada a ler desde criança, o que acarretou em sua paixão pela literatura. Cursa faculdade de Letras Tradução e Interpretação em Inglês e divide sua vida entre os estudos e o trabalho como tradutora, professora e escritora. Passou a adolescência escrevendo e publicando fanfictions na Internet e, aos dezoito anos, terminou seu primeiro livro. Dois Lados de um Coração é seu romance de estreia.
Anúncios

15 pensamentos sobre “Resenha :: Dois Lados de Um Coração

  1. Oi Sil, sua linda, tudo bem
    Essa capa é tão fofa, eu não me lembro desse livro. Mas só o título já chamou minha atenção: os dois lados do coração, fiquei curiosa em saber quais são, na visão do autor. É muito difícil depois de uma perda tão grande, a pessoa conseguir doar seu coração a outra pessoa novamente, o medo da perda fica lá latente, e é natural não querer mais sofrer. Deve ser uma linda história. Não vejo a hora de ler. Sua resenha ficou ótima!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

  2. Olá…
    Eu até curto um romance com drama, mas esse infelizmente não conseguiu me cativar… claro que o fato da protagonista parecer muito chata quando sofre fez isso pesar em minha decisão… eu curto detalhes e os momentos vividos pelos personagens, mas acredito que uma saltada de tempo bem desenvolvida pode ser muito bom para que a leitura flua mais… de qualquer forma.. o bom é que o livro foi bem satisfatório pra você.. e isso tá valendo e muito… Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

  3. Quanto menos coisas importantes citadas na sinopse, mais feliz eu fico, gosto de ser surpreendida por tudo… rs… Romance recheado de drama é comigo mesma, então claro que me interessei pela leitura. Gostei de saber que é um livro único, praticamente um milagre, e que apesar desse problema que surgiu depois tudo foi resolvido e não de um jeito corrido.

    beijo.

    Ju – Entre Palcos e Livros

  4. Ola lindona todo drama tem que ser a dose certa, para não deixar o personagem chorão, o que irrita o leitor, confesso que protagonistas mimadas e que só choram pelos cantos me irritam demais, a capa já havia chamado minha atenção, mas esses pontos negativos me desanimaram um pouco. Dica anotada quem sabe leio em outro momento. beijos

    Joyce
    http://www.livrosencantos.com

  5. Oi Sil, tudo bem?
    Fiquei super interessada na leitura, adoro um livro com uma carga dramática e lendo sua resenha percebi que a escrita do autor é ótima.
    Uma pena a questão da protagonista, mas ainda bem que, mesmo que demorou, ela acabou se recuperando. Acho a capa do livro linda.
    Dica mais que anotada. Parabéns pela resenha.

    Beijos
    Leitora Sempre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s