Início » Livros » Resenhas :: A Lista

Resenhas :: A Lista

Título: A Lista

Autor: Cecelia Ahern

Editora: Novo Conceito

Páginas: 384

Onde costumo comprar (Opções de livro impresso): Buscapé

* Livro cedido em parceria com a editora Novo Conceito

Sinopse: Kitty Logan tem 32 anos e aos poucos está perdendo tudo o que conquistou: sua carreira está arruinada; seu namorado a deixou sem um motivo aparente; seu melhor amigo está decepcionado com ela; e o principal: sua confidente e mentora está gravemente doente.
Antes de morrer, Constance deixa um mistério nas mãos de Kitty que pode ser a chave para sua mudança de vida: uma relação de nomes de pessoas desconhecidas. É com base neles que Kitty deverá escrever a melhor matéria de sua carreira.
Quando começa a ouvir o que aquelas pessoas têm a dizer, Kitty aos poucos descobre as conexões entre suas histórias de vida e compreende por que foi escolhida para dar voz a elas.
– E quantas pessoas há nessa lista?
– Cem no total.
Mary-Rose arregalou os olhos.
– E qual será o tamanho dessa história?
Kirry sorriu.
– Qual o tamanho da sua história?
Há muito tempo eu leio comentários positivos em relação a autora Cecelia Ahern e já estava me sentindo deslocada ao perceber que sou uma das poucas blogueiras que ainda não tinha lido nada dela. Assim que a Novo Conceito divulgou A Lista em seu catalogo fiquei empolgada para solicitar e poder finalmente conhecer essa autora tão querida pelos fãs dos livros do gênero.

O negócio é que nem tudo são flores. Infelizmente eu dei azar de não gostar tanto assim do livro – e vou me limitar a falar somente nesse caso, ainda pretendo ler outros livros para formar uma opinião concreta sobre a autora em si. Não que a leitura seja chata e a forma como ela escreve seja irritante, pelo contrário. Mesmo não gostando da história e me sentindo totalmente desconectada com a protagonista a leitura correu muito bem, obrigada. O problema maior, pelo menos para mim, foi realmente Kitty, a personagem principal da história.

Ela é uma jornalista que está com a sua carreira em declínio devido a uma matéria sensacionalista e falsa exibida em seu programa de televisão. Em meio a um processo judicial, namorado que a abandonou, amigos que estão se mostrando decepcionados com sua conduta temos Constance – sua melhor amiga e editora-chefe da revista que Kitty é colunista. Entretanto Constance está muito doente e pouco antes da sua morte deixa uma lista com cem nomes para Kitty escrever uma matéria. O problema é que as pessoas dessa lista não se conhecem, ou conhecem a própria Constance. Aparentemente essas pessoas não tem nenhuma conexão entre si e cabe então a Kitty descobrir o motivo que levou sua amiga a escolher essas pessoas.

O tanto que eu não gostei de Kitty, com sua mania de sempre se vitimizar, acabei adorando algumas pessoas da lista e acabei me divertindo muito com esses momentos (acho que até mais do que a própria personagem). Vou citar meus dois preferidos: Birdie – uma senhora simpática que vive em um asilo – e Mary-Rose – uma moça que toda semana recebe um pedido de casamento inusitado do seu melhor amigo. Tudo o que Kitty não me mostrou as pessoas da list me mostrou: Seres humanos com acertos e erros, felicidades e tristezas, porém sempre com otimismo e esperança. Acho que se essa foi a principal mensagem que a autora quis mostrar, então sim – pelo menos no meu caso – ela conseguiu e muito bem.

O livro em si não é do tipo que arranca lágrimas, mas em alguns momentos deixa o leitor levemente emocionando. Principalmente quando chega a sua reta final e conseguimos compreender junto com Kitty o motivo daqueles nomes estarem na lista e o que eles tem de tão importante. Ele é levemente engraçado e tem uma pitada de romance, mas a história envolvendo tantos personagens o romance acaba ficando ofuscado (e sinceramente eu não senti falta disso).

– Faz duas semanas. Estremeço só de pensar que já faz todo esse tempo. No dia seguinte ao enterro, acordei e falei para mim mesmo: “Não consigo. Não vou sobreviver a esse dia”. Mas sobrevivi. Sabe-se lá como, sobrevivi. E aí, o dia acabou e eu ia ter de encarar a noite, então, falei para mim mesmo: “Não vou conseguir encarar esta noite”. Mas consegui. Não sei como.
Cecelia-AhernCecelia Ahern é filha do atual Taoiseach irlandês, Bertie Ahern. É formada em jornalismo e multimídia pelo Griffith College Dublin. Sua irmã mais velha, Georgina Ahern, é casada com Nicky Byrne, da banda pop irlandesa Westlife. Em 2000, Cecelia fazia parte do grupo pop Shimma, que terminou em terceiro lugar na final irlandesa do Festival Eurovisão da Canção. Aos vinte e um anos, seu primeiro romance, PS. Eu Te Amo, tornou-se o bestseller mais vendido na Irlanda (por 19 semanas), Reino Unido, EUA, Alemanha e Holanda. O livro foi adaptado para o cinema, numa produção dirigida por Richard LaGravenese. Seu segundo livro, Onde Terminam os Arco-íris foi o vencedor do CORINE Award alemão. Cecília tem também contribuído escrevendo contos em livros editados por organizações beneficentes sem fins lucrativos.
TC PNG
Sil
Anúncios

18 pensamentos sobre “Resenhas :: A Lista

  1. Oi Sil,

    Eu coloquei este livro na minha lista de desejos. Gostei de saber que não arranca lágrimas odeio chorar e ficar triste com os livros, procuro ler coisas que me deixem alegres. Outra coisa que me faz deixar o livro na minha lista é o fato de ter uma pitada de romance e humor, ou seja, tudo a ver comigo.

    Beijos
    Tânia Bueno
    http://www.facesdaleituira.com.br

  2. Oi Sil, sua linda, tudo bem
    Esse é um dos livros que todos estão elogiando, e que eu tenho certeza de que irei me emocionar, pois parece e você também confirma isso, que as pessoas dessa lista são especiais, o que elas têm para oferecer, a lição que têm para nos ensinar, que parece ser o diferencial da trama. Então, acho que é para não gostar da personagem mesmo, pois ela precisa dessa lista, para se transformar. Não vejo a hora de ler.
    beijinhos.]
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

  3. Olá… Silviane, tudo bem??
    Você não é das poucas blogueiras que não leu algum livro da autora, ops, agora você não é mais rs… Eu não li nada da autora… e nem tive tanta vontade rs… curti o filme `P.S. Eu te amo… mas não tenho pretensão de ler o livro e assim sucessivamente. Esse livro realmente tem sido muito elogiado, mas a temática não me chama muita atenção… não curto muito esse tipo de leitura e para que eu possa ler o livro tem que me chamar atenção desde a capa… é uma pena que não conseguiu se conectar com a personagem, mas de todo não foi ruim, porque você curtiu os personagens secundários que por muitas vezes fazem uma excelente diferença… Xero!

  4. Oi Sil, eu também não li nada da autora e preciso mudar isso. Estou bem curiosa em relação a essa lista e o motivo da escolha de cada pessoa. Uma pena a protagonista não ter te agradado tanto, é bem chato quando isso acontece. Mesmo assim dá para perceber que a leitura valeu a pena pelos personagens da lista né!? Com certeza quero ler.

    Bjs, Glaucia.
    http://www.maisquelivros.com

  5. Pena que você não gostou tanto por ter tido problemas com a Kitty. Normalmente quando não gosto de um protagonista isso faz com que eu goste menos de um livro também, mas nesse livro especificamente isso não aconteceu comigo. Foi o segundo livro da autora que li e o primeiro pelo qual me apaixonei, espero que sua segunda escolha te agrade mais também.

    Beijo.

    Ju – Entre Palcos e Livros

  6. Essa semana mesmo li uma resenha positiva e tava me animando com o livro, mas a sua foi um balde de água fria. Já tive uma experiência não muito boa com a Cecelia em Simplesmente Acontece, mas quero tentar de novo porque esse é contado através de cartas e tal, então quero um narrativo normal. Murchei com essa protagonista, normalmente não gosto também e estou bem receosa agora. Mas vamos ver se a leitura também flui bem, espero que pelo menos isso sim.
    Beijinhos!
    Giulia – http://www.prazermechamolivro.com

  7. Oi Sil, tudo bem?

    Meu primeiro contato com a escrita de Cecelia Ahern foi em Simplesmente Acontece (que eu AMEI), desde então quero ler outros livro dela. Solicitei e já recebi A Lista e vou ler em breve. Nas outras resenhas que li todos tinham gostado de A Lista, por isso é legal ler uma que não gostou muito, isso faz com que eu tenha um equilíbrio e não coloque tantas expectativas. Adorei sua resenha.

    Beijos
    Leitora Sempre

  8. OOOIII!!

    Eu sou muiiiito fã dessa autora, tenho todos os livros (lançados pela NC) menos esse e tenho vontade de ler.
    Acho que no inicio todos os personagens dela são um pouco irritantes e tendem a melhorar ao decorrer do enredo.
    Gostei da sua sinceridade em relação a leitura.
    Todos os livros dela me dão uma sensação de crescimento pessoal, sempre que leio fico mais pensativa.
    Enfim, ainda tenho muita vontade de ler e espero que você ache um livro dela que te atraia;

    Beijinhos,
    http://www.entrechocolatesemusicas.com

  9. Oi, Sil! Tudo bem?
    Que pena que o livro não funcionou tão bem para você 😐 Da autora eu só li ‘Ps: Eu te amo’ e gostei MUITO. Porém, eu sempre fico com um pé atrás quando se trata de algum livro da autora. Eu sinto que ela quer puxar mais para o lado de ajudar o leitor a encontrar suas respostas… não sei ao certo. Estou com esse (e mais um) livro dela para ler, mas acho que ainda não estou no clima.

    Beijinhos :*
    http://www.procurei-em-sonhos.com

  10. Gostei do mistério por volta dessa história. Assim como você falou ouvi muita gente dizendo que não gostou muito da protagonista e esse lance do romance que ficou assim meio inacabado. Mas mesmo assim fiquei muito interessada em ler essa história.

    =*

  11. O único livro da Cecelia que já tive o prazer de ler foi P.S. Eu Te Amo, um livro que me captou de tal forma, que nunca vi o filme porque tenho certeza que não vai corresponder às minhas expectativas. As resenhas que tenho lido d’ A Lista, em geral, não são negativas mas também não são somente elogios. Quero muito ler e descobrir qual o segredo dessa lista, afinal.

  12. OI, fiquei curiosa para saber a história dessas pessoas e a ligação que vão ter com a da protagonista e gosto de livros que passem alguma lição ou mensagem. Sério que a Kitty é chata? Não gosto de ler livros em que a protagonista é, mas vou querer ler esse mesmo assim. Bjus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s