Início » Livros » Resenhas :: Um Caso Perdido

Resenhas :: Um Caso Perdido

Esse era um livro que eu queria muito – ao mesmo tempo que não queria – terminar para resenhá-lo. Uma história que vai muito além da capa e da sinopse, que não denotam um terço do que esse livro é capaz de fazer conosco, leitores. Preparem os seus corações, porque é disso que precisamos ao iniciarmos a leitura de Um Caso Perdido.

Título: Um Caso Perdido

Autor: Colleen Hoover

Editora: Galera Record

Páginas: 384

Onde costumo comprar (Opções de livro impresso): Cultura/Saraiva/Travessa

Sinopse: Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras… Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.

Linden Sky Davis, nossa protagonista, está prestes a completar 18 anos. Foi adotada quando ainda muito nova por Karen, uma estranha, porém, maravilhosa mãe vegana que é avessa a tecnologias como televisões, computadores e celulares. Não se lembra de nada antes de entrar na vida de Karen, e nem tenta. Tem uma melhor amiga chamada Seven, que também é sua vizinha, porém, para enfrentar os pais ela prefere e somente atende quando é chamada de Six. Como seria ter a sua melhor amiga ao alcance de uma janela? É isso que Sky e Six tem, e assim que descobriram quão úteis podem ser os garotos, adquiriram o estranho hábito de trazê-los, aleatórios, para seus quartos. Mas o que elas consideravam melhor, sempre ocorria depois: uma pular a janela da outra e conversarem baboseiras enquanto se empaturravam de sorvete. Essa era a vida de Sky, basicamente. As questões que a diferenciavam era ter sido educada em casa, nunca ter frequentado uma escola, e que ela nunca se envolvia emocionalmente com nenhum dos garotos com quem ficava. Nunca. Não sabia o que era sentir borboletas no estômago, ou sentimentos incompreensíveis e inexplicáveis que vão além de qualquer explicação humana como se apaixonar. Na verdade, ficar era muito simples, ela conseguia esquecer de tudo quando estava com algum garoto – e era por isso que gostava de estar com eles. Por mais bonitos que fossem, nunca lhe atraíam da maneira que deveria se sentir atraída. Esse era o mistério sobre Sky, que nem a própria conseguia entender. Nunca havia suspirado por outro garoto. Suspeitava que esse dia não chegaria, já quem em sua extensa lista, nunca nem sequer havia chegado perto de sentir isso por alguém – até Dean Holder aparecer em um supermercado.

A verdadeira razão pela qual gosto de ficar com garotos é a seguinte: me sinto completa e confortavelmente entorpecida.

um caso perdido

 

Holder tinha uma reputação de típico garoto problema, sempre atormentado pela morte da irmã. Os comentários sobre ele eram tão maldosos quanto os direcionado a própria Sky. Apesar de adorar suas covinhas, seu corpo, e Holder por inteiro, a mesma atração que revirou o estômago dela, chocava-se com o seu medo. Não eram apenas os boatos, mas haviam dois lados de Holder, e o temperamento dele nunca parecia ajudar. Bom em um momento, péssimo em outro. Era tão difícil compreendê-lo, quanto compreender a si mesma, e o porquê se sentia atraída por ele, logo ele, era o único homem capaz de lhe fazer sentir algo na vida? E sem Six, que precisou fazer um intercâmbio na Itália, Holder, o comportamento das pessoas na escola, e o seu próprio comportamento em relação aquele garoto a estavam deixando atordoada. O que seria da nossa protagonista sem o divertido e caloroso Breckin? Seu mais novo melhor amigo gay e mórmon, e também único, na escola. (Nem preciso mencionar que quero um amigo gay desses, eles são demais, GENTE). Dean Holder não a fez somente conhecer o que era se sentir atraída por um cara, como também trouxe uma história pesada em sua bagagem, e tudo que Sky, ou o próprio Holder, um dia tentaram esquecer, veio a tona.
As coisas que nos derrubam na vida são testes, e esses testes nos forçam a escolher entre desistir, ficar caída no chão ou sacudir a poeira e se levantar com ainda mais firmeza que antes. Estou escolhendo me levantar com mais firmeza. Provavelmente vou ser derrubada mais algumas vezes antes da vida se cansar de mim, mas garanto que nunca vou ficar caída no chão.
É difícil falar sobre Um Caso Perdido e não soltar spoilers, por isso, vou reduzir a velocidade a partir daqui. O livro é uma bomba. Você passa a página e perde o fôlego com os acontecimentos que jorram, sem que você nem sequer os espere. Sky se mostra uma personagem atípica, mostrando uma força admirável e incomparável o que eu simplesmente amei. Apesar de ser jovem e passar por todos os dilemas da idade, e alguns não tão comuns para os outros, a sua maturidade e capacidade de aguentar qualquer que seja o problema, é o que eu gostaria de destacar nela. É o tipo de livro que você deve parar e ler, porque merece ser lido com atenção. A narração em primeira pessoa e os flashbacks foram essenciais na construção da história (e o Losing Hope, o Um Caso Perdido ainda não tem data de lançamento prevista no Brasil, mas deve ser ainda mais profundo que o ponto de vista da Sky e estou LOUCA para ler), é impossível não mergulhar de cabeça nas sensações e na intensidade com que os personagens são mostrados para nós, leitores, ou eu diria, personagens da história. Como eu já falei anteriormente, e sempre vou bater nessa mesma tecla, livros que ganham vida e não permanecem apenas nas páginas são os meus favoritos. Sem dúvidas, Um Caso Perdido foi um deles. Apesar da profundidade e das revelações que nos são jogadas sem tempo para recobrar o fôlego, a leitura é rápida. Não confunda isso com “história corrida”, não. Na verdade, a autora sobe detalhar com riqueza cada ponto crucial, cada passagem, sentimentos, expressões, diálogos absolutamente apaixonantes, e o romance foi explorado de um modo, não poderia descrever de outra forma, perfeito. Mas perfeito em suas imperfeições. Sky e Holder estão longe de serem um casal normal. Eles possuem dificuldades as quais são enfrentadas juntos. Eles se quebram e se reconstroem e não tem como não se pegar suspirando, sorrindo, ou se sentindo aflita pelo que vai acontecer quando a página virar, ou quando finalmente nos damos conta do que está acontecendo. Colleen nos mostra como impressões são apenas isso, impressões, e que provavelmente sempre são errôneas, que não há outra maneira de se conhecer uma pessoa senão realmente a conhecendo, através dela mesma. A autora também abordou maravilhosamente o quanto cada pessoa difere da outra, o quanto cada uma é capaz de lidar com sua própria bagagem, assim como mostrou a capacidade pessoal de cada um em se reconstruir e se dar uma oportunidade de viver, sem dispersar o passado, e sim o aceitando, o superando. Uma lição.
Que importância tem o gênero, se o livro é bom?
Deixo mais esse quote maravilhoso, desse livro igualmente maravilhoso e paro de falar porque sei que a resenha já ficou grande demais. O livro é cheio de tiradas sensacionais, como essa daí e eu anotei várias citações, que vou postando mais a frente lá no Facebook. No mais, leiam. E releiam. E reflitam. Um Caso Perdido é o tipo de livro que permanece presente em você, mesmo depois de muito tempo lido. (Foco na capa linda, só amor). ❤

 

Colleen Hoover  nasceu em Tulsa, Oklahoma. JamieMcGuire vive no Texas com seu marido e seus três filhos. Ela lançou seu romance de estreia, Métrica (Slammed), em janeiro de 2012 e a continuação da série, Pausa, em fevereiro de 2012 e ambos se tornaram best-sellers do NYT. Logo depois ela publicou um romance autônomo, Um Caso Perdido (Hopeless), que se tornou um bestseller #1 do NYT. Como um “Obrigada” para os seus fãs, ela o escreveu também do ponto de vista masculino, “Losing Hope”, assim como Métrica, que se tornou “Essa Garota”. Atualmente ela está trabalhando em um romance independente.

 

Anúncios

39 pensamentos sobre “Resenhas :: Um Caso Perdido

  1. Pingback: Resenhas:: O Lado Feio do Amor | Cantar em Verso

  2. Pingback: Resenhas :: Sem Esperança | Cantar em Verso

  3. Pingback: TAG :: Retrospectiva 2014 + Desafio | Cantar em Verso

  4. Oi,
    Conheço a escrita da autora, li Métrica e Pausa e amei, aqui parece que encontramos novamente um história que mexe conosco.
    Gosto quando o autor consegue nos passa essa carga de sentimentos, deixando a sensação que estamos vivenciado tudo aquilo de pertinho.
    Essa será minha próxima leitura e acredito que vou gosta muito, como a maioria dos leitores.
    Beijos Mari – Stories And Advice – Minha Opinião Poder

  5. Ela é uma diva mesmo! Nunca li nenhuma resenha negativa de nenhum livro dela, eu já li quatro, quero ler esse também! Todo mundo falando horrores de bem! Curiosa!
    Amei sua resenha e sua paixão falando da história!
    Um grande Beijo!
    Paulinha Juliana – Overdose Literária!

  6. Ahh Fran, que resenha ❤
    Da autora eu li apenas Métrica e claro, me apaixonei perdidamente!
    Já sei que preciso me preparar emocionalmente para essa leitura e já irei iniciar a preparação já, porque ele está aqui pertinho de mim, louco para ser lido haha

    Beeijinho. Dreeh
    Blog Mais que Livros

  7. Oieeee, já ouvi vários elogios sobre a autora e seus livros, infelizmente nunca tive a oportunidade de ler nenhuma obra da Colleen, mas este livro me deixou muito curioso, começando pela linda capa e passando pela história extremamente interessante o livro conseguiu chamar minha atenção, vou pedir o meu para a editora em breve e espero gostar da leitura rs, Abraços.

  8. Oi Fran, tudo bom? Eu estou louca para ler esse livro, a sinopse me chamou bastante atenção e o fato como a autora abordou o tema me deixou bem curiosa, espero gostar bastante; Você me fez ficar ainda com mais vontade depois de falar que é daqueles livros que é difícil esquecer, que ainda ficam na gente ❤ aw! Preciso.

    Beijos!
    paixaoliteraria.com

  9. Olá,
    Tudo bem?
    Senti bastante emoção nessa resenha, conseguiu expor bem o que sentiu ao ler, imagino eu.
    Já li resenhas desse livro. Parece ser muito bom e muito intenso.

    • Olá, Tania!
      Te assustou? Eu achei que a capa era um tanto quanto adolescente, e por isso pensei em não investir nele em um primeiro momento, mas apesar de encontrá-lo no setor infanto juvenil, ele é um dos YA’s mais maduros e bem construídos que já li. A autora consegue equilibrar a história do começo ao fim de forma surpreendente. Recomendo que o adquira sim, e o coloque em sua listinha o mais rápido possível, tá?
      Beijos!

  10. Tenho que preparar meu coração rápido então, porque estou só esperando meu livro chegar pra ler! Adorei a autora colocar isso de que impressões são apenas isso, e que o único jeito de conhecer alguém é realmente se empenhando e tendo contato direto com essa pessoa. Uma coisa que tem gente que esquece frequentemente, mas que faz toda a diferença na vida da gente. Amo esse tipo de livro que fica conosco por muito tempo após o término da leitura. =)

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    • Olá, Ju!
      Prepaaaaara que o livro é bom! HAHA Pois é, eu extraí muita coisa lendo “Um Caso Perdido” e é engraçado que a autora desconstrói a imagem dos personagens o tempo todo! Ela monta algo, nos faz crer naquilo e pronto, mostra que não é bem assim não – bem como ocorre na vida real. Sim, ele é perfeito e tenho certeza que vai permanecer por bastante tempo em minha memória e na de quem o ler. ❤
      Beijos!

    • Olá, Evelyne!
      Sim, a Colleen conseguiu fazer um trabalho incrível no que diz respeito a envolver o leitor. Não tem como não se moldar, não embarcar completamente na história!
      Que bom! Espero que curta ainda mais quando ler o livro!
      Beijos!

  11. Eu estou doida para ler esse livro, só vejo resenhas positivas sobre ele e a sua não foi diferente, nunca li nada da autora, mas pretendo ler os livros dela, pois todos parecem ser bem interessantes e emocionantes, adoro livros assim, enfim, adorei sua resenha e espero ler esse livro em breve oo/

    Beijos :*
    Larissa – Srta. Bookaholic

    • Oi, Larissa!
      As resenhas são sempre positivas, porque realmente o livro é maravilhoso e merece até mais do que toda a atenção que tem recebido. São livros profundos e intensos, com diálogos e desenvolvimento bem elaborados, não tem como não amar.
      Obrigada!
      O leia mesmo e espero ver seu comentário sobre ele o mais breve possível!
      Beijos.

  12. Oi Fran, tudo bem???
    Não faça isso com o meu coração!!!!!!!! Que resenha!!!!!!!!! Que história!!!!!! Que autora é essa, gente??? Um livro que ganha vida é o meu preferido também!!!!!Até hoje eu não sei se é ele que sai das páginas, ou se sou que entro nelas. Autores com esse dom de nos transportar para o mundo que criaram, são raros!!!!!!!
    Não vejo a hora de ler.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    • Olá, tudo bem sim! 😀
      Sim, sim e sim! São raros e devem ser bem aproveitados, como a Colleen que tem esse dom e o apresenta lindamente. Não tem como não sentir, se envolver ou até mesmo não se ver nas páginas de seus livros, que sempre são, no mínimo, surpreendentes!
      O leia e venha nos contar o que achou! ❤
      Beijos!

    • Oi, Jéssica!
      Pode deixar sua curiosidade aumentar, pois vale a pena. Se puder, comece a lê-lo para ontem, o mais rápido possível e deixe a Colleen entrar na sua vida literária da forma mais intensa possível, com a história de Holder e Sky. ❤
      Lê e nos conte o que achou!
      Beijos!

  13. Desde quando foi lançado estou de olho nele, mas nunca senti tanta necessidade de lê-lo como estou sentindo agora. Sem falar que todo dia no Wpp frases do tipo “Estou chocada com o livro” vinham de ti! Ainda não li nada da autora, e ela tem grandes chances de entrar na minha vida através de “Um Caso Perdido”.

    Beijooos!
    Vivendo em Livros

    • Sim, Thay!
      Eu estava chocada mesmo com o livro e tinha que me expressar! Haha! Chocada com a capacidade da autora de nos conectar a um livro de forma tão intensa! Chocada com o rumo da história, as surpresas. Enfim, leia Um Caso Perdido e choque-se positivamente com cada página virada.
      Beijos! ❤

    • Olá, Matheus!
      Isso aconteceu comigo, eu não havia me interessado pela capa, e quando li a sinopse achei que seria mais algum clichê de garoto errado com garota que quer fugir do errado, mas me enganei completamente. Um amigo acabou indicando e se aprofundando um pouco mais na composição dos personagens e eu fiquei com a pulga atrás da orelha, comecei e terminei a ler o livro e não acreditei que ele já houvesse terminado. Queria bem mais! A história é surpreendente e o desenvolvimento tanto dela quanto dos personagens é para deixar qualquer um ficar boquiaberto.
      Não por isso!
      Beijos!

  14. Até agora não vi uma pessoa falando mal desse livro. Uma amiga que não curtiu Métrica gostou desse, eu que amei devo gostar ainda mais. Já faz um tempo que tenho esse livro, mas ainda não parei pra ler justamente porque quero dar a atenção que ele merece. Colleen é diva, e eu tô louca pra que a Galera publique mais dela.
    Beijinhos!
    Giulia – prazermechamolivro.com

    • Olá, Giulia!
      Impossível falar mal deste livro, acho que não há uma pessoa que consiga criticá-lo. A autora conseguiu superar qualquer expectativa, a sinopse, a capa, e até as resenhas não fazem jus ao maravilhoso livro que é Um Caso Perdido.
      Também espero que a Galera dê bastante atenção a Colleen, porque ela é maravilhosa! E eu adoro as edições da Galera, porque elas são bem semelhantes as originais. ❤
      Beijos!

    • Olá, Débora!
      Concordo plenamente, Um Caso Perdido tornou-se aquele tipo de livro que gruda e permanece no pensamento por muito tempo. Estou en-can-ta-da com o rumo que a Colleen conseguiu dar a essa história sem se perder durante ela.
      Beijos!

    • Oi, Mila!
      A Colleen consegue envolver até o mais indiferente dos leitores. Qualquer um se apaixona pela forma com que ela traceja a história, desenvolve os personagens. É maravilhoso ler qualquer livro dela!
      Obrigada, Mila!
      Beijão!

  15. Sou sempre suspeita para falar pois adoro autora , esse livro como você mesmo disse solta revelações atordoantes sobre os personagens principais, gosto da forma como ela faz os personagens crescerem na medida das revelações . Quem ainda não conhece a Collen corre seus livros são sempre recheados de emoções .
    ÓTIMA RESENHA

    Beijos

    Joyce

    • Oi, Joyce!
      Sim! É uma loucura. Ela solta informação as quais não estávamos esperando, ou que suspeitávamos, mas não queríamos admitir! Não tem como ler algum livro da Colleen e se manter estável durante a leitura. É uma montanha russa de emoções!
      Obrigada pelo carinho! ❤
      Beijos!

  16. Oi Fran, tudo bem?
    Nossa que resenha! Sempre via esse livros nas prateleiras das livrarias, nas resenhas e nas redes sociais, mas nunca tinha parado para olha-lo de verdade até agora. Li Métrica da autora e adorei por isso fiquei morrendo de medo desse livro, sabe quando você curte tanto a autora que tem medo de que ela escorregue e perca essa perfeição toda? É isso. Mas sem dúvidas sua resenha me tirou esse medo porque se o livro for 10% de todo esse seu amor já valeu a pena.
    Com isso vou colocá-lo na listinha.

    Super beijo!

    • Oi, Lari!
      Fique despreocupada, com toda a certeza não foi isso que ocorreu em “Um Caso Perdido”, acho que a Colleen consegue se superar com maestria em todos os recentes trabalhos que vem lançando, inclusive um livro dela que nem chegou aqui no Brasil ainda, e já tem me enchido os olhos que é o “Maybe Someday”, tenho certeza que vou amar.
      Com certeza é!
      Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s